Jorge Camargo Mistério

|





Mistério

Quem tem todos os nomes
E ao mesmo tempo nome algum
Que em tudo põe limites
E cujo limite é nenhum

Quem vai além da oposição
Entre o que tem e não tem fim
Que sai em direção a tudo
E permanece em seu jardim

Tentar saber seu nome
É navegar na imensidão
Do mar que está dentro de si
É mergulhar no coração

E ao mesmo tempo se deixar
Sair além do próprio eu
Render-se por inteiro àquele
Que a alma insiste em chamar Deus

Acima de todo o saber
De todo o crer toda a razão
Além de toda a compreensão

De todo o esforço sério
De toda a investigação:
Eis que habita em nós…
Eis que habita em nós…
Mistério!



São quase três décadas de amor e paixão pela música e de muita dedicação a ela.

Desde a adolescência, no aprendizado do violão e na chegada das primeiras composições, até hoje, sete discos depois – Jorge traz na bagagem profissional e pessoal a experiência de ter tocado com nomes como Eliane Elias, Nelson Ayres e Rique Pantoja e de ter estudado com mestres como Mozart Mello (violão) e Claudio Bertrami (baixo).

Além disso, as malas de viagem carregam lembranças de todo o Brasil, dos Estados Unidos, da Europa e da África. Há também na bagagem de mão centenas de horas de seminários elaborados e ministrados sobre o processo criativo, a importância da poesia e técnicas de autoria.
Um pouco dessa história

São mais de 300 composições, das quais cerca de 150 gravadas entre produções próprias e de terceiros.

… o talento de compositor, intérprete, arranjador e produtor dividido com músicos brasileiros como Maurício Caruso, Cézar Elbert, Maurício Domene, Marinho Andreotti, Rogério Boccato, Marquito Cavalcante, Nelson Bomilcar e Marinho Brasil, entre tantos outros.

… a premiação em festivais musicais da Febraban e do Sindicato Nacional dos Bancários.

… as apresentações musicais em todo o Brasil e mundo afora, com destaque para as realizadas nos Estados Unidos (igrejas e auditórios em Orlando, Nova York, Boston, Washington, e Philadelphia), na Europa (Universidade de Uppsala, na Suécia, e Jogos Olímpicos Universitários de Sheffield, na Inglaterra) e África (Ginásio de Esportes Benfica, em Angola).

0 comentários:

Postar um comentário